Imprimir

Comentei essa partida pela Rádio Energia 104.9 FM e o clássico entre Fluminense e Botafogo tinham ingredientes fora de campo suficientes para um grande jogo. Diego Cavalieri e Jeferson são grandes goleiros, Deco e Seedorf são meias excelentes, mas o Fluminense tem um centroavante que faz a diferença, enquanto o Botafogo não. Fred que parece gostar de fazer gols contra o time alvinegro, fez mais um na noite deste sábado. Agora, o matador tricolor tem 10 gols em 12 jogos contra o Botafogo. Veja o gol

O jogo começou com o Botafogo indo para cima do time tricolor. E se Diego Cavalieri não tivesse entrado ligado na partida, fatalmente levaria um gol em uma das três ótimas oportunidades que o time do técnico Oswaldo de Oliveira teve. Alias, o técnico fez com que o time ficasse em cima do Fluminense, o problema seria manter aquele ritmo até o fim da partida. Mas no início, Jadson não saía de perto de Deco e Dorian não desgrudava de Fred. O Fluminense só conseguiu colocar a bola no chão no meio do primeiro tempo e começou a jogar melhor. Deco recuou e começou a participar mais do jogo, melhorando muito a saída de bola tricolor. Porém nenhuma das duas equipes conseguiu o primeiro gol na primeira etapa. 

O segundo tempo foi muito melhor. As duas equipes tentaram atacar o tempo todo e assim como no primeiro tempo, o Botafogo começou melhor, porém não conseguia marcar. Já o Fluminense começou a encontrar também alguns espaços mas o último passe não era bom. Os dois times corriam demais, mas erravam muitos passes. Já até achava que o placar de zero a zero seria o final. Mas Fred estava lá para mudar isso. 

Gol do Fred. Foto: Paulo Sérgio/Lancepress

O Fluminense recupera a bola e aciona Fred no meio de campo, o goleador percebe Wellington Nem deslocado no lado direito e passa a bola na frente. Wellington Nem foi muito rápido e correu em direção ao gol alvinegro. Os dois zagueiro correram na direção dele que rolou para o meio da área, Fred dominou e bateu na saída do goleiro Jeferson fazendo um a zero para o Fluminense que comemorou bastante. Todo time, inclusive os reservas, foi abraçar o artilheiro. 

Com o placar a favor, Abel Braga tirou Deco, Thiago Neves e Wellington Nem e colocou Valencia, Wagner e Marcos Junior no jogo para o time começar a tocar a bola e tentar o contra-ataque. E teve algum resultado, mas no fim, o Botafogo que também fez três substituições, entraram Lodeiro, Vitor Junior e Rafael Marques, tomou conta do jogo e pressionou até o fim da partida. Só que mesmo pressionando não conseguiu o gol. Fim de jogo e mais uma importante vitória do Fluminense que mantém 6 pontos de diferença para o segundo colocado. Segundo colocado que goleou o Figueirense por seis a zero. 

Por Leonardo Calheiros.