Imprimir

Esse foi o terceiro jogo do Atlético-GO nesse campeonato brasileiro que comentei pela Rádio Energia 104.9 FM. O time do Atlético-GO joga feio na maior parte do tempo. Por isso, já imaginava que o Botafogo dificilmente faria um jogo bonito nesta partida. Só não esperava que o time carioca fosse jogar tão mal. Digo isso porque apesar da vitória, tenho certeza que o torcedor botafoguense não gostou da atuação do time. 

O Atlético-GO, por incrível que pareça, jogou melhor que o Botafogo no primeiro tempo. O placar de 1 x 0 com gol de penalti convertido pelo experiente goleiro Marcio, poderia ter sido maior se o time do Atlético-GO conseguisse marcar nas duas grandes oportunidades que teve no primeiro tempo. Em uma delas o grande goleiro do Botafogo e da Seleção Brasileira, Jeferson, saiu mal e perdeu a bola. Lance que por pouco não resultou em gol do Dragão de Goias. 

No segundo tempo o Atlético-GO continuava melhor e o Botafogo quase não chegava com perigo ao ataque. Falava na rádio que o Botafogo do jeito que estava, dificilmente marcaria se não fosse com uma bola parada. E assim foi! Seedorf foi para bola na primeira falta cobrada e bateu mal, na sequência nova falta mais próxima da área. Seedorf foi novamente para bola e bateu com muita categoria, no ângulo direito do goleiro Marcio e fez um golaço. Botafogo empatava a partida. 

Atlético-GO e Botafogo

Com o empate, o time do Rio começou a pressionar e logo em seguida, em escanteio cobrado por Seedorf, Felipe Gabriel cabeceia bem, o goleiro Marcio pega mas no rebote Antonio Carlos ganha disputa com o zagueiro e a bola sobra novamente para Felipe Gabriel que marca e vira o jogo para o Botafogo. Veja os gols clicando aqui

No fim, como o time do técnico Oswaldo de Oliveira recua muito, o Atlético-GO tenta pressionar mas o placar fica mesmo 2 x 1 para o Botafogo. Valeu pelos 3 pontos, mas o time carioca tem que melhorar se quiser brigar pelo menos por vaga na Libertadores nesse campeonato Brasileiro. 

Por Leonardo Calheiros.