Imprimir

Pela 17ª  do Campeonato Brasileiro, os times de Palmeiras e Flamengo jogaram na Arena Barueri em São Paulo. O time Paulista é clube grande que se perdeu no Brasileirão devido ao empenho na Copa do Brasil mas, isso não justifica a péssima colocação na tabela no campeonato atual. Outros grandes times também disputaram outros torneios na mesma época e estão bem colocados. 

O time joga bem, tem um batedor de falta de primeira que é Marcos Assunção, e um goleador que é Barcos. Do outro lado, o Flamengo vem de duas vitórias consecutivas com um total de 4 gols do Vagner Love ex-atacante do clube Paulista, o time está motivado.

O jogo começa forte com muitas faltas dos dois lados. Aos 10 minutos, Assunção lança para Barcos, que domina nas costas de Marllon e Felipe sai agarrando para evitar o gol.

Aos 23, Negueba se livra da marcação e tenta chute colocado, mas vai para fora. O Palmeiras ataca mais, o Flamengo se aproveita basicamente de contra-ataques. 

Ibson, após acertar Valdivia, recebe o segundo amarelo e é expulso aos 29. Será desfalque do Rubro-negro no clássico contra o Vasco domingo. 

Aos 32, sai o gol do Palmeiras, com o Pirata que pega rebote em posição de impedimento para fazer 1 x 0 nos Cariocas. 

Barcos e Vagner Love

No ínicio do segundo tempo, o Flamengo pressiona por pouco tempo e os Paulistas seguram o placar atacando. 

Obina só entra aos 41, após muitas especulações da mídia em relação a ele e a Vagner Love, ambos defenderam os dois times. Ele entra, e logo em seguida cai na área, mas o juíz manda seguir, incendiando os torcedores. 

Já o artilheiro do amor pouco se destaca no jogo, apenas aos 29, faz jogada individual e chuta nas mãos de Bruno. 

Uma curiosidade é que o juíz distribuiu 13 cartões amarelos e 1 vermelho até o final do jogo. 

O Palmeiras com esse resultado sai da zona de rebaixamento e agora está em 15º e o Flamengo segue em  9º lugar. 

Fica a impressão de que o Flamengo só ganha times relativamente inferiores?

Por Monique Barreto.